segunda-feira, 15 de junho de 2020

Secretário estadual alerta: Não é o momento para Campina abrir o comércio

Foto: Paraibaonline
Foto: Paraibaonline
O secretário de Saúde do Estado, Geraldo Medeiros, afirmou que o governo do Estado preparou um plano de flexibilização para os municípios levando em consideração diversos aspectos fundamentais, como ocupação de leitos, realidade epidemiológica e outros pontos importantes.
Ele destacou que todos os municípios paraibanos deveriam seguir esse plano para que a luta contra a Covid-19 seja fortalecida.
Geraldo ressaltou, durante entrevista à Rádio Caturité FM, que o Estado realizou um trabalho intenso durante os últimos três meses no combate ao novo coronavírus. Ele destacou que a Paraíba está entre os estados que mais realizam testes da Covid-19.
– É um momento de reflexão do que fizemos ao longo de três meses e que tornou a Paraíba um realce nacional como estado do Nordeste com menor letalidade. Ampliamos 1.200 leitos em todo o Estado para o atendimento dos paraibanos com Covid-19 – frisou.
A respeito da reabertura do comércio em Campina Grande, Geraldo declarou que a reabertura do comércio em um município que pede o reforço do isolamento social neste momento implicará, dentro de 10 ou 15 dias, aumento do número de casos da Covid-19 e, consequentemente, número de mortes.
Geraldo ainda lembrou que muitos estados brasileiros, como Mato Grosso do Sul, Paraná e Goiás, reabriram o comércio no momento indevido e apresentaram a duplicação do número de casos da Covid-19.
– Campina Grande é a bandeira laranja e não há a indicação de abertura do comércio. A indicação ainda é de restrição social. Não é o momento para a abertura do comércio e de outras atividades como está sendo feito em Campina Grande. O vírus não perdoa, aglomerou, ele se dissemina – pontuou.

PARAIBA ONLINE

Nenhum comentário:
Write Comments

Full-Width Version

false
Hey, we've just launched a new custom color Blogger template. You'll like it - https://t.co/quGl87I2PZ
Join Our Newsletter