domingo, 14 de junho de 2020

Secretária detalha mais pontos para a retomada das atividades econômicas de CG

Foto: Paraibaonoline
Foto: Paraibaonoline
A Prefeitura de Campina Grande anunciou na última sexta-feira, 12, a flexibilização do isolamento social para a retomadas das atividades comerciais na cidade.
Durante entrevista à Rádio Caturité FM, a secretária de Desenvolvimento Econômico, Rosália Lucas, comentou a determinação e disse que o plano é baseado em dados técnicos e realizado em comum acordo com entidades classistas e sociedade civil organizada.
De acordo com ela, a flexibilização vai ser possível graças à porcentagem de ocupação de leitos de UTI e enfermaria da cidade, além do número de pessoas recuperadas da Covid-19 e também o protocolo de uso do coquetel de medicamentos determinados pelo Ministério da Saúde, para pessoas cometidas pela doença.
Ela ainda ressaltou que se não houvesse a possibilidade de retomada das atividades comerciais, haveria na cidade demissões em massa, uma vez que a medida provisória que permite a redução de salário e jornada de trabalho, diante da pandemia, como forma de manter os empregos, se encerrou na última sexta-feira e, de acordo com Rosália, o protocolo foi necessário para que as empresas não demitam.
Além das concessões já divulgadas pelo prefeito, a secretária ainda comentou sobre outros pontos.
Ela disse que as clínicas médicas consultórios odontológicos vão voltar a atender por meio de agendamento, para que não haja aglomeração na recepção e seguindo todas as medidas sanitárias;
Destacou que o turno do comércio será corrido, como forma de não gerar aglomeração, já que, se fosse reduzido, as pessoas tenderiam a irem às lojas ao mesmo tempo;
– Até faço um apelo à população de Campina Grande e das cidades próximas para que evitem ir ao centro todos de uma vez na segunda feira. O comércio vai estar aberto durante toda a semana e, caso tudo se comporte da forma como esperamos, tudo vai ser reaberto de forma gradual – contou.
Outro ponto destacado foi com relação aos estacionamentos particulares, que já retomam na próxima segunda-feira;
Segundo Rosália, as lanchonetes devem retomar as atividades no mesmo período que os restaurantes, ou seja, na segunda fase, mas sempre cumprindo o protocolo determinado pelo SindCampina e com condições sanitárias mais restritas.
As regras para velórios e sepultamentos seguem as mesmas até a terceira fase, que consiste na retomada das atividades de eventos, porém tendo que se adequar à 40% da capacidade. Esta deve ocorrer no dia 13 de junho.
As pessoas em grupo de risco ou maiores de 60 anos, devem manter suas atividades laborais ainda de forma remota, tanto na parte pública, quanto privada.
Ela ainda disse que os bancos têm um protocolo nacional para o distanciamento social, mas deverá conversar com os representantes, pois o melhor seria estender os horários para não realizar aglomeração.
Os clubes aquáticos e uso social das piscinas destes também não serão permitidas para este início.


PARAIBA ONLINE

Nenhum comentário:
Write Comments

Full-Width Version

false
Hey, we've just launched a new custom color Blogger template. You'll like it - https://t.co/quGl87I2PZ
Join Our Newsletter