sábado, 6 de junho de 2020

Brasil tem novamente 1 mil mortes num dia: Bolsonaro critica a ´TV Funerária´

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução
PAULO SALDAÑA
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) – Depois de dois dias seguidos de recordes, o Brasil registrou 1.005 novas mortes por coronavírus nesta sexta (5), segundo dados do Ministério da Saúde. O total de óbitos é de 35.026
Com 30.830 novos casos confirmados em 24 h, o Brasil chega a 645.771 casos desde o início da pandemia.
Na quinta, exatos cem dias após ter sido confirmada pela primeira vez no Brasil, foram registrados 1.473 novos óbitos por Covid-19 no país -o que significa que a doença matou mais de um brasileiro a cada minuto no país.
Assim, o Brasil superou a Itália, país que simbolizou primeiro a tragédia da pandemia, tornando-se o terceiro no ranking de óbitos resultantes da doença no mundo.
Na terça (2), o Brasil havia registrado 1.262 novos óbitos e ultrapassado a marca tétrica de 30 mil óbitos desde o início da pandemia.
A divulgação dos dados sofreu atrasos pelo terceiro dia seguido. Inicialmente marcada para 19h, só ocorreu às 22h.
Nesta sexta, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) defendeu o atraso da divulgação dos boletins do Ministério da Saúde e disse que, com a mudança de horário “acabou matéria no Jornal Nacional”. Ele também se referiu à Rede Globo, que veicula o Jornal Nacional, como “TV funerária”.

FOLHAPRESS

Nenhum comentário:
Write Comments

Full-Width Version

false
Hey, we've just launched a new custom color Blogger template. You'll like it - https://t.co/quGl87I2PZ
Join Our Newsletter