domingo, 19 de abril de 2020

Campanha busca ajudar profissionais da Saúde

Com o objetivo de ajudar no combate e na disseminação do COVID-19 (coronavírus) entre os profissionais da área de saúde, um grupo de alunos do Programa de Pós-graduação em Direitos Humanos, Cidadania e Políticas Públicas da Universidade Federal da Paraíba (PPGDH-UFPB) iniciaram no dia 14 de abril a campanha Direitos Humanos em Ação Solidária.
A princípio, a ideia é angariar recursos financeiros, por meio de doações para a compra de equipamentos de proteção individual (EPI) e materiais de higiene para distribuir aos profissionais de saúde da rede pública do estado, que estão na linha de frente no combate ao COVID-19, tendo em vista que a contenção do coronavírus não pode ocorrer sem a atuação aguerrida dos profissionais da saúde pública, que dependem de condições mínimas de saúde e segurança do trabalho para atuar.
Assim, a situação de pânico e tribulação gerada pelo coronavírus no Brasil, somada à crescente escassez de recursos, exortou vários defensores dos Direitos Humanos na Paraíba a se envolverem no auxílio aos profissionais de saúde no Estado da Paraíba que buscam diuturnamente combater e conter a disseminação da doença.
“Observamos que muitos profissionais da saúde estão sendo contaminados, seja pela falta de equipamentos de segurança ou por eles não serem adequados. Por isso, neste primeiro momento, decidimos focar nos EPI’s, pois não podemos colocar em risco os profissionais que estão na linha de frente do combate a essa pandemia, tendo em vista que cada um deles pode cuidar e salvar inúmeras vidas”, declarou Mislene Santos, aluna do PPGDH.
Já a professora do PPGDH, Marlene França, abraçou a causa dos alunos e vem dando total apoio à ação. “Eu não poderia me furtar de estar junto aos alunos em uma campanha como esta, que enaltece os Direitos Humanos em defesa da dignidade da pessoa humana no ambiente do trabalho. Portanto, só tenho a parabenizar os alunos por esta iniciativa e me colocar a inteira disposição para ajudá-los nesta causa que é extremamente nobre”.
O procurador do trabalho, Eduardo Varanda afirmou que “o MPT se sente honrado por participar da campanha. Em momentos de calamidade pública, o Poder Público e a sociedade civil organizada devem unir-se para prevenir e minimizar os efeitos tão nocivos da pandemia. Gestos como este levam a crer que a solidariedade ainda é o signo indelével que marca a raça humana e a nossa existência”.
A campanha convida todos os membros da sociedade paraibana, empresários e políticos a contribuírem, em união de esforços, visando à realização do objetivo.
CONTATOS
COMO CONTRIBUIR
Por meio da vaquinha virtual: http://vaka.me/1006200
MaisPB

Nenhum comentário:
Write Comments

Full-Width Version

false
Hey, we've just launched a new custom color Blogger template. You'll like it - https://t.co/quGl87I2PZ
Join Our Newsletter