quarta-feira, 25 de março de 2020

PRF recupera cinco veículos roubados na Paraíba


A Polícia Rodoviária Federal (PRF) recuperou em menos de 24 horas quatro veículos com ocorrências de roubado ou furto que estavam circulando nas rodovias federais da Paraíba. Os veículos foram abordados em fiscalizações distintas realizadas ao longo do Estado.
Em Campina Grande foi recuperada uma picape Fiat Strada na manhã de ontem (terça-feira). A ocorrência foi na BR 230, km 143, na Unidade Operacional de Santa Terezinha. Ao realizar a fiscalização minuciosa do veículo foi constatado que o carro era clonado e que a documentação do veículo possuía indícios de falsificação. Uma pessoa foi detida e encaminhada à Polícia Federal de Campina Grande.
Também em Campina Grande na noite de ontem foi recuperado um Fiat Palio roubado que estava clonado. Segundo o condutor, ele teria comprado o veículo através de aplicativos de compra e venda.
Já em Santa Rita, região metropolitana de João Pessoa, foi recuperado no início da noite de ontem, o veículo Fiat Pálio. O veículo também era clonado e estaria sendo utilizado para práticas criminosas na região. No interior do veículo foi localizado uma arma de fogo. Três pessoas foram detidas e encaminhadas à Central de Polícia.
Em Mamanguape, já na madrugada de hoje (quarta-feira), foi recuperada uma caminhonte Hillux roubada no Rio Grande do Norte no último dia 19. O veículo possuía ocorrência de roubo. O condutor da caminhonete e o veículo roubado foram encaminhados para a Polícia Civil.
Também em Mamanguape, já na tarde de hoje (25), foi recuperado um GM Cruze. Após fiscalização minuciosa foi constatado que o automóvel era clonado e que havia sido roubado em Pernambuco . O documento do veículo também possuía indícios de adulteração. O condutor foi detido e encaminhado à Polícia Civil
Sistema Sinal – A PRF disponibiliza o Sistema Sinal para registro de ocorrências de veículos roubados ou furtados. Qualquer pessoa que tenha seu veículo roubado pode acessar o site www.prf.gov.br/sinal e registrar a ocorrência. Os dados são imediatamente encaminhados para os celulares funcionais dos policiais de serviço. As informações podem ser repassadas também através do telefone de emergência 191. A PRF ressalta que o registro no sistema sinal não exclui a necessidade do registro na Polícia Civil.
Fonte: MaisPB
Matéria retirada do portal MaisPB
Postado por Juarez Neto

Nenhum comentário:
Write Comments

Full-Width Version

false
Hey, we've just launched a new custom color Blogger template. You'll like it - https://t.co/quGl87I2PZ
Join Our Newsletter