sábado, 21 de dezembro de 2019

Mídia nacional diz que preso na Calvário era lotado no gabinete de Gervásio Maia

https://s3.amazonaws.com/pbagora/20191113145356/

Uma reportagem do Estadão chamou a atenção para o fato de que o irmão do ex-governador Ricardo Coutinho, Coriolano Coutinho, ambos presos durante a sétima fase da Operação Calvário – Juízo Final, ser assessor parlamentar da Câmara lotado no gabinete do deputado federal Gervásio Maia, um dos principais defensores de RC e o parlamentar mais votado no pleito de 2018, no Estado.
De acordo com a publicação, Cori, como é chamado no núcleo girassol, recebe um salário de R$ 13.272,00 mais auxílios de R$ 982,29.
A reportagem ainda aponta que de maio a agosto de 2018, Coriolano teria coletado cerca de R$ 2,5 milhões.
Confira a matéria na íntegra clicando AQUI.

PB AGORA COM ESTADÃO

Nenhum comentário:
Write Comments

Full-Width Version

false
Hey, we've just launched a new custom color Blogger template. You'll like it - https://t.co/quGl87I2PZ
Join Our Newsletter