segunda-feira, 16 de dezembro de 2019

“A reforma da Previdência não foi uma opção do governador João Azevêdo” destaca procurador geral do Estado

https://s3.amazonaws.com/pbagora/20191216090322/



“A reforma da Previdência não foi uma opção de João Azevêdo” desta forma o procurador geral do Estado, Fábio Andrade, resumiu o cenário que ronda a votação da medida na Assembleia Legislativa da Paraíba e que vem trazendo divergências dentro e fora da Casa.
De acordo com Fábio, em entrevista a uma emissora de TV paraibana, o tema é polêmico porque mexe com o presente e além disso com o futuro dos servidores públicos.
“Reforma da previdência sempre gera muito debate e polêmica até porque são temas que mexem com o cotidiano dos servidores públicos sobretudo a da previdência que além de mexer com o presente, mexe com o futuro” disse.
Quanto à escolha, ou não por parte de João, de realizar as mudanças o procurado ressaltou que o governador foi obrigado a elaborar a Reforma da Previdência diante da que foi aprovada a nível nacional pelo Congresso.
“O governador não disse: ah eu quero agora fazer uma reforma da Previdência. Ele foi obrigado a fazer essa reforma. Por quem? Pelo artigo 11 da emenda constitucional 103 que impôs a todos os estados e municípios que têm regime próprio de previdência social que adequem as suas norma à norma federal que foi aprovada” explicou.
PB Agora

Nenhum comentário:
Write Comments

Full-Width Version

false
Hey, we've just launched a new custom color Blogger template. You'll like it - https://t.co/quGl87I2PZ
Join Our Newsletter