domingo, 10 de novembro de 2019

Lula e Bolsonaro se preparam para duelo pelo destino do Brasil

http://paraiba.com.br/site/wp-content/uploads/2019/11/



Foto: PT Nacional

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que saiu da prisão na sexta-feira, e o presidente Jair Bolsonaro começaram neste sábado a alinhar suas respectivas forças para protagonizar a batalha pelo destino do Brasil.
“Amantes da liberdade e do bem, somos a maioria. Não podemos cometer erros. Sem um norte e um comando, mesmo a melhor tropa, se torna num bando que atira para todos os lados, inclusive nos amigos. Não dê munição ao canalha, que momentaneamente está livre, mas carregado de culpa”, tuitou Bolsonaro na manhã deste sábado.
Lula realiza comício na tarde deste sábado no Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo (arredores de São Paulo), berço de sua carreira política e lugar onde se entregou à polícia em 7 de abril de 2018 para começar a cumprir sua pena de prisão.
O líder do Partido dos Trabalhadores (PT), de 74 anos, cumpria uma pena de oito anos e 10 meses de reclusão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, mas foi solto depois de que o Supremo Tribunal Federal (STF) proibiu o início do cumprimento de sentenças após condenação em segunda instância e antes de que os acusados esgotem todos os recursos legais.
Assim que saiu da sede da Polícia Federal em Curitiba, onde passou 580 dias, Lula denunciou ante centenas de partidários as políticas econômicas liberais de Bolsonaro e anunciou que vai “percorrer esse país e discutir com o nosso povo uma saída”.
“Além de continuar lutando para melhorar a vida do povo brasileiro – que está uma desgraça –, além de lutar para não permitir que esses caras entreguem o país, eu quero” mostrar “o lado mentiroso” das instituições judiciais que trabalham para criminalizar a esquerda, declarou.
Lula disse que, com o atual governo, “o povo está passando mais fome, está sem emprego, trabalha para a Uber ou entregando pizzas em bicicleta”.
Lula confirmou no comício sua intenção de se casar com a socióloga Rosângela da Silva, de 52 anos segundo a imprensa, que estava a seu lado. Eles se beijaram a pedido da multidão.
– “Dia triste para o Brasil honesto” –
Em seu discurso em Curitiba, Lula acrescentou que também se empenharia em “demostrar que este país pode ser muito melhor se tiver um presidente que não minta tanto no Twitter como Bolsonaro”.

AFP
Matéria retirada do portal Paraiba.com.br
Postado por Anne Maracajá

Nenhum comentário:
Write Comments

Full-Width Version

false
Hey, we've just launched a new custom color Blogger template. You'll like it - https://t.co/quGl87I2PZ
Join Our Newsletter