domingo, 20 de outubro de 2019

Saúde realiza Dia D contra sarampo em CG e 11 cidades




A rotina da dona de casa Ingrid Cristina foi um pouco diferente na manhã deste sábado (19). Residente de Campina Grande, a jovem saiu cedo para vacinar a filha Isis, de apenas seis meses, com a dose zero contra o sarampo. Assim como ela, outros pais aproveitaram a mobilização do Dia D para atualizar a caderneta de vacinação, imunizar suas crianças e, com isso, interromper a circulação viral e controlar a doença na Paraíba.
A Secretaria de Estado da Saúde (SES) esteve em Campina Grande, apoiando a ação de abertura da campanha, que aconteceu no Parque da Criança. Este ano, visando ampliar a participação do Estado e apoiar os municípios de maneira regional, a SES inovou na parceria e realizou o Dia D em 12 Regiões de Saúde. Além de Campina, os municípios parceiros são: Marcação, Bananeiras, Nova Floresta, São José dos Cordeiros, Patos, São José de Caiana, Belém de Brejodo Cruz, Carrapateira, Sousa, Imaculada e Gurinhém. Na Paraíba, mais de mil postos de vacinação estiveram abertos neste sábado para atender exclusivamente crianças entre seis meses e menores de cinco anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias) que ainda não estavam protegidas.
Para Ingrid, deixar a caderneta de vacinação da filha em dia é a melhor maneira de proteger Isis contra várias doenças. “Eu sempre vou ao posto de saúde na época certa de cada vacina. ela ainda não tinha idade para tomar a contra o sarampo. Mas agora existe a dose zero, específica para a idade dela. Aproveitei o Dia D hoje e vim vacinar”, contou.
A campanha de vacinação contra o sarampo para esse grupo específico de crianças começou no dia 07 de outubro e vai até o dia 25 e tem como meta mínima atingir 95% de cobertura vacinal, de forma homogênea, do público-alvo a ser vacinado. Até a 41ª semana epidemiológica, a Paraíba conta com um total de 252 notificações, das quais 16 foram confirmadas (7 em João Pessoa, 1 em Barra de São Miguel, 3 em Bayeux, 1 Cabedelo, 1 em Imaculada, 2 em Santa Rita e 1 em Santa Cecília), 94 já descartadas e 142 seguem em investigação.
O secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, esteve presente na abertura e falou sobre a importância da adesão do povo paraibano à campanha. “A Secretaria de Saúde conclama todos os pais e responsáveis a trazerem seus filhos para realizarem a vacinação contra o sarampo, porque é a única maneira de nós preservarmos as crianças e evitarmos mortes, principalmente nessa faixa etária que é o foco da campanha.”, afirmou.
A secretária de Saúde de Campina Grande, Luzia Marinho, lamentou o município ainda ter uma taxa de adesão baixa, em torno de 60%, e fez um apelo aos pais para que procurassem as salas de vacinação mais próximas de casa para imunizar as crianças. “Precisamos realmente intensificar essas ações. Uma doença que já estava erradicada no Brasil, volta com toda a força. Então precisamos ter essa responsabilidade de chamar esses pais e que os mesmos façam seu papel, prevenindo essas crianças do sarampo”, pontuou.
O sarampo é uma doença viral aguda similar a uma infecção do trato respiratório superior. É uma doença grave, principalmente em crianças menores de cinco anos, desnutridas e imunodeprimidos, que pode levar à morte. Geraldo Medeiros afirma que, enquanto gestor, está exercendo o papel de transmitir para a população que a vacina é segura e gratuita.
“Nós temos o maior programa de vacinação do mundo. Precisamos viralizar a informação de que precisamos imunizar as crianças. Isso é fundamental. Nós estamos todos engajados, juntos com vocês, no sentido de vencer essa guerra contra o sarampo”, completou.
Fonte: MaisPB
Matéria retirada do portal MaisPB
Postado por Juarez Neto

Nenhum comentário:
Write Comments

Full-Width Version

false
Hey, we've just launched a new custom color Blogger template. You'll like it - https://t.co/quGl87I2PZ
Join Our Newsletter