segunda-feira, 28 de outubro de 2019

Agente penitenciário do Ceará recebeu R$ 10 mil para fazer a prova por outro candidato


http://paraiba.com.br/site/wp-content/uploads/2019/10/
Arma e distintivo de agente preso. Foto: Divulgação


O agente penitenciário do Ceará Jefferson Carlos Souza Lima foi contratado por Willames Gomes dos Santos por R$ 10 mil para fazer o concurso da Fundac-PB em seu lugar na tarde desde domingo (27). Os dois foram presos suspeitos de fraudar o certame.
Para poder enganar os fiscais, Jefferson pegou todos os dados de Willames e comprou um documento falso por R$ 400 em Serra Talhada, no interior de Pernambuco.


Documento falso foi encomendado em Serra Talhada-PE por R$ 400. Foto: Divulgação

Prisão

Willames estava na calçada da na faculdade Maurício de Nassau, localizada na Avenida Epitácio Pessoa, em João Pessoa, aguardando seu parceiro terminar a prova no seu lugar, quando foi abordado por policiais.
Questionado sobre o motivo de estar ali, ele afirmou que iria fazer a prova. Porém, quando os policiais foram averiguar o fato, viram que havia outra pessoa fazendo o concurso no seu lugar.
Os policiais acompanharam a dupla até uma pousada na orla pessoense onde os dois estavam hospedados, onde encontraram o distintivo do agente, além de uma pistola .40, de uso restrito.

Expulsão

Informações extraoficiais dão conta de que o caso já foi levado à Secretarias de Estado de Administração Penitenciária do Ceará, para onde Jefferson deve ser transferido em breve e os responsáveis pelo caso articulam para expulsar o agente.



Yves Feitosa/Washington Luiz
Matéria retirada do portal Paraiba.com.br
Postado por Anne Maracajá

Nenhum comentário:
Write Comments

Full-Width Version

false
Hey, we've just launched a new custom color Blogger template. You'll like it - https://t.co/quGl87I2PZ
Join Our Newsletter