Suposto membro do PCC, Libanês é preso com carro roubado após furar bloqueio da PRF


Foto: reprodução

A ação aconteceu por volta das 21h30 desta quinta-feira (1°) no posto da Polícia Rodoviária Federal de Queimadas. Um libanês de 49 anos foi detido após furar o bloqueio para fiscalização de rotina. Ele estava com uma caminhonete Hilux roubada.
De acordo com a PRF, uma equipe fazia fiscalizações de rotina e nas proximidades havia uma equipe da Polícia Militar, que é uma interação comum para troca de informações, quando foi dada ordem de parada e o homem não obedeceu.
O estrangeiro colocou o veículo na direção das equipes e foi necessário efetuar disparos para contê-lo. Os agentes atiraram nos pneus da Hilux que só parou quando não tinha mais condições de trafegar. O condutor ainda tentou fugir a pé, mas foi detido pela Polícia Militar.
A polícia constatou que tratava-se de um veículo roubado e o suspeito detido, que vive há cinco anos no Brasil, informou que faz este tipo de transporte com frequência, levando carros roubados de um local para outro a mando de alguma organização criminosa.
O homem já tem passagem pela polícia. Ele foi preso em 2017 por tráfico de drogas, juntamente com outra pessoa em um Golf roubado, no bairro do Catolé em Campina Grande.
Na primeira vez que foi detido, os policiais encontraram na casa do libanês uma cópia do estatuto do PCC (Primeiro Comando da Capital) e além disso, um termo de filiação à facção. Também foi encontrado um alcorão e dentro dele três fotografias de pessoas com fardamento militar e armas de fogo num cenário de deserto, uma delas é uma criança com um míssil.
Ele informou que seus pais residiam na Líbia, local da fotografia.
A PRF afirmou que este ano já recuperou 106 veículos. No mesmo período do ano anterior foram 75, o que representa um aumento de 40% na recuperação de veículos roubados.
Fonte: Redação do Paraiba.com.br com Informações da PRF
Matéria retirada do portal Paraiba.com.br
Postado por Anne Maracajá