quinta-feira, 7 de fevereiro de 2019

Após nova condenação, PT-PB organiza calendário de manifestações por soltura de Lula

O presidente do PT na Paraíba, Jackson Macedo disse nesta quinta-feira (07), que o partido não pode mais ter expectativas da soltura de Lula a partir da institucionalidade da Justiça, do Parlamento e do Governo e cabe agora fazer manifestações e ocupar as ruas.
Ao Portal Paraíba.com.br, Macedo comentou a decisão da juíza substituta Gabriela Hardt, da primeira instância, nesta quarta-feira (07), que condenou o ex-presidente a 12 anos e 11 meses por corrupção e lavagem de dinheiro no processo da Lava Jato que apura se ele recebeu propina por meio da reforma de um sítio em Atibaia (SP),
“O PT recebe com tranquilidade a decisão. Já sabíamos que ela ia acontecer”, disse, alegando ainda que a Operação Lava Jato existe exclusivamente para condenar o PT e Lula. “A prova concreta que a operação é política, é que o juiz Sérgio Moro é ministro de Bolsonaro. Faz parte do jogo, foi provado que o sítio não pertence a Lula, a própria peça condenatória assinada pela juíza ontem diz que Lula visitou o sítio mais que o proprietário, mas ele está sendo condenado por ser proprietário…”, questionou.
Jackson também afirmou que a prisão de Lula se deu pela delação de Leo Pinheiro que mudou o depoimento única e exclusivamente para condená-lo. “Primeiramente disse que Lula não era proprietário do triplex, depois muda o depoimento para não continuar preso”, reclamou.
Para o presidente da legenda agora cabe ao PT organizar manifestações de rua. “Não podemos mais ter uma nenhuma expectativa a partir da institucionalidade da justiça, do parlamento, do governo. Cabe ao PT ocupar as ruas, fazer trabalho de base, conversar com as pessoas, explicar o que está em jogo no Brasil. Tudo o que aconteceu no governo de Lula e o que ele representa para o Nordeste”, completou.
Jackson revelou que o calendário de atividades de rua começa com uma audiência pública na Assembleia Legislativa e aproveitar o dia de luta das mulheres, oito de março, para dar pontapé inicial nas manifestações.
“Vai ser um ano de muita manifestação, muito trabalho de rua para denunciar esse governo e a condenação de Lula que do ponto de vista internacional tem muita solidariedade”, disse, lembrando que o ex-presidente foi indicado ao prêmio Nobel da Paz.


Foto: Reprodução

Fonte: Marília Domingues - Paraíba.com.br
Postado por Juarez Neto

Nenhum comentário:
Write Comments

Full-Width Version

false
Hey, we've just launched a new custom color Blogger template. You'll like it - https://t.co/quGl87I2PZ
Join Our Newsletter