terça-feira, 31 de dezembro de 2019

OAB-PB lamenta falecimento do advogado Bruno Inácio Diniz Lima da Silva

http://paraiba.com.br/site/wp-content/uploads/2019/06/


Sede da OAB-PB, em João Pessoa (Foto: Divulgação / Assessoria)
A Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Paraíba (OAB-PB), comunica, com profundo pesar, o falecimento do advogado Bruno Inácio Diniz Lima da Silva, 37 anos, ocorrido na tarde desse domingo (29).
O corpo do advogado está sendo velado na Central de Velórios Morada da Paz e o sepultamento ocorrerá na tarde desta segunda-feira (30),  no Cemitério Parque das Acácias, João Pessoa (PB). 
O presidente da OAB-PB, Paulo Maia, presta condolências aos familiares e amigos do advogado neste momento de irreparável perda. Ele também coloca a OAB-PB à disposição da família.

Assessoria

Hospital Metropolitano recebe segundo pouso aeromédico e atende pacientes do Trauma

http://paraiba.com.br/site/wp-content/uploads/2019/12/


Hospital Metropolitano recebe segundo pouso aeromédico e atende pacientes do Trauma. Foto: Divulgação/Secom-PB
OHospital Metropolitano Dom José Maria Pires recebeu, nesse final de semana (28 e 29) pacientes do Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa. Dentre os atendidos, um paciente de 38 anos, com ferimento de arma de fogo na cabeça, que foi removido por via aérea do Trauma para o Metropolitano.
A transferência, realizada por helicóptero, contou com os trabalhos do Grupo Tático Aéreo (GTA), da Secretaria de Estado da Segurança e Defesa Social. Toda a ação faz parte do plano estadual de contingência a situações de emergência, objetivando a garantia do atendimento e cuidados com a saúde da população paraibana.
De acordo com o diretor geral do Hospital Metropolitano, Antônio Pedrosa, receber os pacientes do Hospital de Trauma de João Pessoa exigiu uma força tarefa de todas as equipes da unidade de saúde.
“O nosso Núcleo de Regulação Interno foi fundamental para organização do fluxo e recebimento de cada paciente. Nossa equipe de manutenção e limpeza prepararam as enfermarias, já as equipes médica e multidisciplinar recepcionaram cada um e tão prontamente providenciaram o atendimento, de acordo com a necessidade de cada paciente. Unimos esforços para garantir que a saúde da população paraibana não fosse prejudicada”, afirmou o diretor geral do Metropolitano.
Já o diretor geral do Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa, Leonardo de Lima Leite, avaliou que “sem uma visão gerencial e de parceria entre as unidades de saúde, não conseguiríamos obter êxito”.
O diretor expressou ainda a gratidão aos profissionais do Metropolitano: “Aos colegas neurocirurgiões que deram toda a cobertura durante as 24h do plantão, e à toda equipe envolvida, o meu sincero reconhecimento a maestria, para dar conta de avaliações e procedimentos dos dois serviços. Ainda há muito por fazer, mas sabemos que contamos uns com os outros nestas horas. E assim entregamos excelência em saúde”.
O secretário de Saúde do Estado, Geraldo Medeiros, pontuou que o Hospital Metropolitano integra a rede estadual de assistência hospitalar, e, desta forma, cumpre também o seu papel dentro do plano estadual de contingência a situações de emergência.
“O Metropolitano vem realizando um importante e significativo trabalho, dando suporte aos atendimentos realizados no Trauma. As transferências, caso necessárias, permanecerão acontecendo até que o fluxo seja completamente normalizado, não acarretando perda no tratamento para nenhum assistido. Nossa prioridade é salvar vidas”, declarou.
No total, mais de 30 pacientes que necessitavam de atendimento especializado, e alguns deles, de intervenção cirúrgica, receberam toda a assistência necessária, e seguem em observação no Hospital Metropolitano.

Secom-PB

Ministério destinou mais de R$ 4,6 bilhões em habitação em 2019

http://paraiba.com.br/site/wp-content/uploads/2019/12/


Condomínios Foto: divulgação/SecomJP
Os investimentos em habitação, este ano, já superam R$ 4,6 bilhões. O valor equivale, em média, a 55% da execução financeira de todo o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR). Com os pagamentos realizados este mês, o ministério quitou todas as faturas em atraso. Os recursos foram aplicados na conclusão de mais de 350 mil moradias em todo o país e em 233 mil unidades que estão em construção.
Desde o início de 2019, a prioridade é o programa de habitação social com a maior parte dos recursos destinados às famílias de baixa renda. Dos R$ 4,6 bilhões investidos, R$ 4,1 bilhões – o correspondente a 90% – foram voltados ao atendimento das famílias na Faixa 1, que ganham até R$ 1,8 mil por mês.
Segundo o ministro Gustavo Canuto, a quantidade de entregas de moradias este ano 2019 equivale a mais de mil unidades habitacionais por dia. “Diante do cenário de restrição fiscal, os esforços da União foram no sentido de honrar o que já estava em andamento. Mantivemos a média dos 10 anos do programa, o que prova que ele continua pujante Além disso, estamos preocupados em melhorar cada vez mais – fazendo mais com menos”, disse.

Reformulação do programa

Equipes técnicas do MDR, Ministério da Economia, da Casa Civil da Presidência da República e Caixa Econômica Federal estudam a reformulação do Programa de Habitação de Interesse Social. A expectativa é apresentar a nova proposta no primeiro semestre de 2020.
O objetivo é assegurar que os recursos públicos do Orçamento Geral da União sejam aplicados de forma mais eficiente para garantir moradia digna às famílias de baixa renda, em consonância com as necessidades habitacionais regionais.
Segundo o ministro Gustavo Canuto, um ponto prioritária é garantir taxas de administração menores para as operações. “Queremos que os recursos da União estejam à disposição dos beneficiários, sobretudo daqueles que mais dependem desse apoio. Por isso a proposta de reformular e encontrar o melhor modelo. Nesse sentido, estamos trabalhando em parceria com diversos órgãos do Governo e, também, contaremos com o apoio do Banco Mundial”, disse.

Agência Brasil

Plano Plurianual da União é publicado no Diário Oficial


http://paraiba.com.br/site/wp-content/uploads/2019/11/
Presidente Jair Bolsonaro (Foto: Reprodução / TV Brasil)
A lei que institui o Plano Plurianual da União (PPA) para o período entre 2020 e 2023 foi publicada hoje (30) no Diário Oficial da União com um veto relativo a metas dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas. Aprovado pelo Congresso Nacional no dia 10, o texto foi sancionado no dia 27 de novembro pelo presidente Jair Bolsonaro.
O PPA prevê 54 programas, 304 objetivos e 1.136 metas, em ações que totalizam R$ 6,8 trilhões no período de quatro anos.
De acordo com o Palácio do Planalto, o veto ocorreu por razões de inconstitucionalidade do Inciso VII do Artigo 3º, que inseria como diretriz do PPA a persecução das metas dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU e dava “um grau de cogência [que não pode ser alterado] e obrigatoriedade jurídica, em detrimento do procedimento dualista de internalização de atos internacionais, o que viola a previsão dos arts. 49, inciso I, e art. 84, inciso VIII, da Constituição Federal”.

Diretrizes

O PPA estabelece, de forma regionalizada, as diretrizes, os objetivos e as metas da administração pública para as despesas de capital e outras delas decorrentes, e para as relativas aos programas de duração continuada. As demais leis orçamentárias (como a Lei de Diretrizes Orçamentárias e a Lei Orçamentária Anual) seguem as linhas gerais do PPA.
No total, a proposta do governo Bolsonaro representa ações no valor de R$ 6,8 trilhões no período de quatro anos e estabelece cinco eixos principais — econômico, social, infraestrutura, ambiental e institucional —, mais a estratégia de defesa, consubstanciados em 13 diretrizes e 15 temas.
A proposta do PPA encaminhada pelo governo teve como objetivo priorizar as políticas públicas para a primeira infância. Em seu substitutivo, foram criados três novos programas, por meio de desmembramento de outros, nas áreas de educação especial, educação infantil e prevenção e controle do desmatamento e dos incêndios nos diferentes biomas nacionais. Além disso, definiu que órgãos e entidades do governo deverão elaborar planejamentos estratégicos alinhados ao PPA 2020-2023.
Além da prioridade na primeira infância, a proposta apresentada pelo governo destacava como investimentos prioritários a defesa, o transporte, os recursos hídricos, a saúde, a ciência, tecnologia e a comunicação e a segurança pública.
A previsão de variação acumulada da inflação (IPCA) é de 3,9 em 2020; 3,7 em 2021 e 2022 e 3,8 em 2023. A variação do PIB (soma das riquezas produzidas no país) prevista para 202 é de 2,2 e de 2,5 para 2021, 2022 e 2023.
O relator manteve os critérios de eleição dos projetos prioritários para 2020-2023. Mas elevou de R$ 16,5 bilhões para R$ 54 bilhões os investimentos previstos. Parte desses recursos, conforme o parecer, poderão ser objeto de emendas parlamentares impositivas.
Além de propor mudanças na governança do PPA, a relatoria do PPA limitou em 25% do valor da carteira a possibilidade de o Poder Executivo alterar a lista desses investimentos prioritários. Incluiu, ainda, que o Congresso Nacional passe a exigir, além dos relatórios sobre os resultados alcançados, a defesa desses dados pelos gestores do governo perante a Comissão Mista de Orçamento (CMO).

Agência Brasil

Polícia prende suspeito de assassinar ex presidiário e colocá-lo em balde

http://paraiba.com.br/site/wp-content/uploads/2019/09/



Foto: Flávio Fernandes/ Paraíba.com.br
Um caso chocante aconteceu neste final de semana na cidade de Solânea, no interior do estado. Um homem foi encontrado morto dentro de um balde às margens da BR – 230 nas proximidades do lixão da cidade. O corpo da vítima, identificada como José Humberto de Andrade (Kiko) de 32 anos, que apresentava sinais de forte violência foi encontrado por moradores do local que acionaram a polícia militar para dar início às investigações.
Por volta das 10 horas da manhã, um suspeito foi apresentado ao Delegado Durval Barros, trata-se de João Marcos Cardoso Silva, conhecido como “Paco”. O acusado possui antecedentes criminais, tendo inclusive cumprido pena por homicídio junto à vítima.
Segundo investigações da Polícia Militar em conjunto com a Polícia Civil, a motivação do crime teria sido que por volta das 18hrs do último sábado (28), Kiko teria atentado contra o acusado, desferindo contra ele golpes de faca peixeira. Ainda com Paco foi apreendido um celular, que apresentava áudios enviados a um outro suspeito que confirma a sua participação no crime. O acusado encontra-se detido na cadeia da cidade de Solânea.
As investigações seguem em busca de mais envolvidos neste crime.

Blog do Márcio Rangel

Censo Escolar: cresce número de matrículas na creche e na pré-escola

http://paraiba.com.br/site/wp-content/uploads/2019/06/



O número de matrículas na creche e na pré-escola cresceu este ano na comparação com o ano passado, segundo dados do Censo Escolar divulgados hoje (30) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O levantamento, que foi publicado no Diário Oficial da União, traz apenas os dados referentes ao número de alunos matriculados em escolas públicas, abrangendo todas as etapas de ensino (da creche ao ensino médio). A divulgação das informações completas do Censo Escolar está prevista para o final de janeiro.
O censo mostra um aumento de 4,24% no número de matrículas em creches (crianças de 0 a 3 anos), que passou de 2.333.277, em 2018, para 2.433.216, em 2019. Ao todo, foram abertas 98.939 vagas nesta etapa de ensino. Na pré-escola, houve aumento de 0,75% no número de matrículas na comparação entre 2018 e 2019. Foram abertas 29.636 vagas, passando de 3.915.699 para 3.945.335. A quase totalidade das matrículas no ensino infantil são em instituições municipais. 

Fundamental e médio

Em relação aos ensinos fundamental e médio, o Censo Escolar aponta uma queda no número de matrículas em escolas públicas, fenômeno que vem se repetindo nos últimos anos. Segundo os dados divulgados nesta segunda-feira, foram matriculados 6.192.819 alunos no ensino médio em 2019, contra 6.462.124 no ano anterior, uma redução de 4,34%. 
Apesar da redução, houve melhora nas escolas de tempo integral, que passou de 9,2% para 10,6% do total de matrículas na última etapa do ensino básico em instituições públicas. No ensino integral, os estudantes podem, com mais tempo na escola, ter acesso a atividades culturais, esportivas, além de conteúdos de comunicação, saúde, entre outros.
No ensino fundamental, que vai do 1º ao 9º ano, o número de alunos matriculados em 2019 caiu 1,62% em relação a 2018, passando de 21.760.831 de alunos para 21.413.391. Desse total, quase 11% foram para o ensino integral.
Ampliar a educação em tempo integral nas escolas é uma das metas do Plano Nacional de Educação (PNE), lei que estabelece parâmetros para melhorar a qualidade da educação brasileira. Uma das metas do PNE é oferecer educação em tempo integral em, no mínimo, 50% das escolas públicas, de forma a atender, pelo menos, 25% dos alunos da educação básica até 2024.

EJA

O Censo Escolar também trouxe dados sobre o número de alunos matriculados na Educação de Jovens e Adultos (EJA), modalidade presencial, que também diminuiu, passando de 2.878.165 de alunos em 2018 para 2.625.462 em 2019, uma redução de 9,6%.

Agência Brasil

Insituto emite alerta para chuvas intensas em 44 cidades da Paraíba

http://paraiba.com.br/site/wp-content/uploads/2019/06/



Reprodução
O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta na tarde desta segunda-feira (30) alertando para chuvas intensas em 44 municípios da Paraíba com grau de severidade: Perigo Potencial.
O comunicado é válido a partir das 16h20 do dia 30 até as 9h do dia 31 de dezembro. Ainda de acordo com o documento, as chuvas devem atingir entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, além de ventos intensos (40-60 km/h).

Instruções:

  • Em caso de rajadas de vento: (não se abrigue debaixo de árvores, pois há leve risco de queda e descargas elétricas e não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda).
  • Evite usar aparelhos eletrônicos ligados à tomada.
  • Obtenha mais informações junto à Defesa Civil (telefone 199) e ao Corpo de Bombeiros (telefone 193).

Confira lista

Aguiar2500205PB
Aparecida2500775PB
Bernardino Batista2502052PB
Boa Ventura2502102PB
Bom Jesus2502201PB
Bonito De Santa Fé2502409PB
Cachoeira Dos Índios2503308PB
Cajazeiras2503704PB
Carrapateira2504108PB
Conceição2504405PB
Coremas2504801PB
Curral Velho2505303PB
Diamante2505600PB
Ibiara2506608PB
Igaracy2502607PB
Itaporanga2507002PB
Joca Claudino2513653PB
Lastro2508406PB
Manaíra2509008PB
Marizópolis2509156PB
Monte Horebe2509602PB
Nazarezinho2510006PB
Nova Olinda2510204PB
Pedra Branca2511004PB
Piancó2511301PB
Poço Dantas2512036PB
Poço De José De Moura2512077PB
Princesa Isabel2512309PB
Santa Cruz2513208PB
Santa Helena2513307PB
Santa Inês2513356PB
Santana De Mangueira2513505PB
Santana Dos Garrotes2513604PB
Serra Grande2515708PB
Sousa2516201PB
São José Da Lagoa Tapada2514206PB
São José De Caiana2514305PB
São José De Piranhas2514503PB
São José De Princesa2514552PB
São João Do Rio Do Peixe2500700PB
Tavares2516607PB
Triunfo2516805PB
Uiraúna2516904PB
Vieirópolis2517209PB

PARAIBA.COM.BR com assessoria

Bombeiros alertam para cuidados com fogos de artifício no réveillon

http://paraiba.com.br/site/wp-content/uploads/2019/12/


Queima de fogos na praia de Copacabana (Foto: Divulgação / Gabriel Monteiro/Secom)
Com a chegada do réveillon, uma das principais tradições é o show de fogos de artifício para comemorar a virada do ano. O Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal alerta para os cuidados que devem ser tomados na hora de soltar os fogos.
Segundo o major Souza Mendes, ao comprar os artefatos, é preciso verificar se a caixa tem o selo do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), o que mostra que o produto passou por análise de segurança ou se tem faixa etária especificada. As lojas também devem ter autorização para vender os fogos.

Cuidados

“Cada embalagem vem com instruções sobre a forma correta de soltar os fogos, que não pode ocorrer embaixo de prédios ou dentro de residências. É preciso observar se há árvores próximas, avisar os vizinhos com antecedência e, em hipótese nenhuma, soltar os fogos com as mãos.”
O major lembrou que as intruções contidas nas embalagens têm ajudado o Corpo de Bombeiros a reduzir acidentes com os fogos.
Souza Mendes lembrou ainda que, em caso de ocorrências, a recomendação é lavar a queimadura em água corrente, não usar nenhum produto sem indicação médica e ligar imediatamente para o 193.
No réveillon do DF, o Corpo de Bombeiros atuará com 115 agentes em duas festas que vão ocorrer na Esplanada dos Ministérios e na Prainhas na viarada do ano. As 14 viaturas de busca, salvamento e combate a incêndio estarão posicionadas em pontos estratégicos para realização de possíveis atendimentos. Equipes formadas pelos militares vao caminhar pelos locais durante os eventos para facilitar os atendimentos.
O Corpo de Bombeiros fará operação tática em locais com maior aglomeração de pessoas, informou Mendes.

Agência Brasil

Sharon Stone entra em aplicativo de namoro… mas é bloqueada

http://paraiba.com.br/site/wp-content/uploads/2019/12/

Foto: reprodução/twitter
Não está fácil para ninguém. Sharon Stone, 61 anos, teve o perfil no aplicativo de namoro Bumble bloqueado. Considerada uma das mulheres mais belas do mundo, a atriz foi barrada no baile após usuários reportarem seu perfil como falso: ninguém acreditou que seria de fato a loira fatal de Hollywood por ali.
Sharon, então, foi reclamar no Twitter. “Entrei no aplicativo de namoro Bumble e eles fecharam minha conta. Alguns usuários denunciaram que não seria eu mesma. Vou mesmo ser excluída? Não me deixe de fora”, reclamou a atriz. A empresa, claro, logo respondeu. “Só existe uma [Sharon] Stone. Parece que nossos usuários acharam que seu perfil era bom demais para ser verdade. Agora, garantimos que você nunca mais será bloqueada”, diz a mensagem, também no Twitter.
Ainda não se sabe se a conversa pública entre Sharon e o aplicativo seria uma jogada de marketing, mas o fato é que a loira está solteiríssima: a atriz se divorciou duas vezes e tem três filhos. O imbróglio com o aplicativo movimentou pretendentes, que inundaram as redes sociais da musa com propostas. “Oi, Sharon, se curtir caras mais gordinhos e com bigodes, me manda uma mensagem”, diz um usuário do Twitter.

Veja

Mamma Bruschetta diz que “tomou um choque” ao saber que foi afastada do “Fofocalizando”

http://paraiba.com.br/site/wp-content/uploads/2019/12/


Mamma Bruschetta Foto: reprodução/Twitter
A artista Mamma Bruschetta negou a versão do SBT de que teria sido afastada do programa “Fofocalizando” para tratar de um câncer. Ele afirmou que não saiu por causa desse problema.
A apresentadora revelou à imprensa nacional que saiu do programa antes mesmo de saber que estava com a doença. Bruschetta disse que ficou chocada e pega de surpresa. “Tomei um choque. Eu estava me arrumando para trabalhar e me ligaram dizendo que não precisava ir”, lembrou.
Ele acrescentou que, após tomar conhecimento da decisão da emissora, desligou o telefone e começou a chorar. “Desliguei o telefone e chorei, chorei”. A artista contou que havia solicitado uma licença para se submeter a uma cirurgia de redução de estômago, “Tinha pedido um afastamento para o futuro, para fazer uma cirurgia bariátrica. Fui direto atrás da cirurgia, que foi quando descobri o câncer”, ressaltou.
No entanto, Mamma garantiu não ter ressentimentos em relação ao SBT. “Não guardo mágoas, só sinto falta deles. Mas eles têm o direito de fazer o que quiserem com o programa. Meu martírio só não é maior porque continuo recebendo o meu salário”. Mama Bruschetta foi substituída por Chris Flores no “Fofocalizando”.

Paraiba.com.br 

segunda-feira, 30 de dezembro de 2019

Corpo de homem é encontrado dentro de tambor, em lixão da PB

https://s3.amazonaws.com/pbagora/20191230092836/


Nesse domingo, o corpo de uma homem foi encontrado dentro de um tambor em um lixão na cidade de Solânea.
Segundo informações da Polícia Civil o homem estava de cabeça para baixo e com sinais de violência.
Ele era ex-presidiário.
O suspeito é vizinho da vítima e foi detido.
O corpo do homem foi encaminhado para o Núcleo de Medicina e Odontologia Legal da cidade de Guarabira.
PB Agora

Homem é preso após esfaquear companheira durante crise de ciúmes

https://s3.amazonaws.com/pbagora/20190621103039/


Nesta segunda-feira (30), um homem foi preso após esfaquear a esposa, que retornava do trabalho.
O crime aconteceu no bairro de Tibiri, no município de Santa Rita e a motivação, de acordo com informações da Polícia Civil, teria sido ciúmes.
O casal tem quatro filhos que teriam ficado com o pai enquanto a mulher trabalhava.
Vizinhos ouviram a briga e acionaram a Polícia Militar. A vítima foi encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Tibiri e o suspeito autuado.
PB Agora

Limite de juros para cheque especial começa a valer no dia 6

https://s3.amazonaws.com/pbagora/20191230135036/


Modalidade de crédito com taxas que quadruplicam uma dívida em 12 meses, o cheque especial terá juros limitados a partir da próxima segunda-feira (6). Os bancos não poderão cobrar taxas superiores a 8% ao mês, o equivalente a 151,8% ao ano.
A limitação dos juros do cheque especial foi decidida pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) no fim de novembro. Os juros do cheque especial encerraram novembro em 12,4% ao mês, o que equivale a 306,6% ao ano.
Ao divulgar a medida, o Banco Central (BC) explicou que o teto de juros pretende tornar o cheque especial mais eficiente e menos regressivo (menos prejudicial para a população mais pobre). Para a autoridade monetária, as mudanças no cheque especial corrigirão falhas de mercado nessa modalidade de crédito.
Conforme o BC, a regulamentação de linhas emergenciais de crédito existe tanto em economias avançadas como em outros países emergentes. Segundo a autoridade monetária, o sistema antigo do cheque especial, com taxas livres, não favorecia a competição entre os bancos. Isso porque a modalidade é pouco sensível aos juros, sem mudar o comportamento dos clientes mesmo quando as taxas cobradas sobem.
Tarifa
Para financiar em parte a queda dos juros do cheque especial, o CMN autorizou as instituições financeiras a cobrar, a partir de 1º de junho, tarifa de quem tem limite do cheque especial maior que R$ 500 por mês. Equivalente a 0,25% do limite que exceder R$ 500, a tarifa será descontada do valor devido em juros do cheque especial.
Cada cliente terá, a princípio, um limite pré-aprovado de R$ 500 por mês para o cheque especial sem pagar tarifa. Se o cliente pedir mais que esse limite, a tarifa incidirá sobre o valor excedente. O CMN determinou que os bancos comuniquem a cobrança ao cliente com 30 dias de antecedência.
No último dia 23, o Banco do Brasil anunciou que dispensará os clientes da tarifa em 2020. Segundo a instituição financeira, a isenção tem como objetivo fortalecer a relação com os clientes.
Agência Brasil 

Na CMCG: PM é acionada após invasão de manifestantes em sessão extraordinária

https://s3.amazonaws.com/pbagora/20191230123207/


O trabalho dos vereadores de Campina Grande que participavam de uma sessão extraordinária nesta segunda-feira (30), foi interrompido após manifestantes contrários ao projeto de alteração nas alíquotas previdenciárias recolhidas pelo Instituto de Previdência dos Servidores Públicos Municipais (Ipsem) invadirem o plenário.
Os manifestantes estavam com faixas e cartazes e reclamavam do reajuste da contribuição que passará de 11% para 14%.
Por conta da manifestação a Polícia Militar foi acionada para fazer a segurança do local.
PB Agora

14%: CMCG aprova mudança do desconto previdenciário a partir de 2020

https://s3.amazonaws.com/pbagora/20191230125933/


A Câmara Municipal de Campina Grande aprovou, em sessão tumultuada nesta segunda-feira (30), o projeto que eleva as alíquotas de desconto previdenciário mensal, tanto o laboral quanto o patronal.
No caso dos servidores ativos, o desconto sobe, a partir de abril do ano que vem, de 11% para 14%. Os inativos não sofrerão qualquer modificação.
Foram 15 votos a favor do projeto – eram necessários, pelo menos, 14. A bancada de oposição votou contra: Anderson Maia (PSB), Galego do Leite (Podemos), Rodrigo Ramos (ainda no PDT) e Olímpio Oliveira (MDB).


PB AGORA

Homem é preso após esfaquear companheira em crise de ciúmes

Um homem foi preso, nesta segunda-feira (30), após esfaquear a esposa, que retornava do trabalho. O crime aconteceu no bairro de Tibiri, no município de Santa Rita.
De acordo com a Polícia Civil, o suspeito ficou cuidando dos quatro filhos enquanto a vítima foi trabalhar – ao retornar, o marido teria ficado com ciúmes devido ao tempo levado pela mulher na rua.
O homem desferiu golpes de faca na vítima e vizinhos, ao ouvirem a briga, acionaram a Polícia Militar. A vítima foi encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Tibiri e o suspeito autuado por tentativa de femicídio. Contra ele, já havia medida protetiva em aberto para que não se aproxime da mulher.
MaisPB

Bancos funcionam hoje e fecham terça e quarta-feira

Agências da Caixa abrirão neste sábado para saque do FGTS/Foto: Agência Brasil
As agências bancárias abrem normalmente nesta segunda-feira (30), último dia útil do ano para atendimento ao público, com expediente normal para a realização de todas as operações bancárias. Elas estarão fechadas para o atendimento ao público nessa terça-feira (31) e no feriado do dia 1º de janeiro.
Segundo a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), as agências bancárias só voltam a funcionar normalmente na quinta-feira (2). A Febraban orienta a população a utilizar os canais alternativos de atendimento bancário para fazer transações financeiras, como mobile e internet banking, caixas eletrônicos, banco por telefone e correspondentes.
Os carnês e contas de consumo (como água, energia e telefone) vencidos no feriado poderão ser pagos, sem acréscimo, na quinta-feira.
Normalmente, os tributos já estão com as datas ajustadas ao calendário de feriados, sejam federais, estaduais ou municipais.
Os clientes também podem agendar os pagamentos das contas de consumo ou pagá-las (as que têm código de barras) nos próprios caixas automáticos.
Já os boletos bancários de clientes cadastrados, como sacados eletrônicos, poderão ser agendados ou pagos por meio do DDA (Débito Direto Autorizado).
Agência Brasil

Hemocentro pede doação de sangue para estoque de fim de ano

O Hemocentro da Paraíba reforça campanha de doação de sangue para manter seu estoque e renova o apelo aos doadores neste final de ano. A unidade necessita de todos os tipos sanguíneos, a fim de manter o estoque para atender a demanda imediata.
A intenção é sensibilizar a população da importância do ato de doar sangue regularmente e, ao mesmo tempo, formar um grupo de doadores fidelizados.
Devido a decretação de ponto facultativo nas repartições públicas nos dias 30 e 31 de dezembro, o Hemocentro funcionará excepcionalmente nesta segunda (30) e terça-feira (31), das 7h às 12h, para o atendimento aos candidatos à doação de sangue, sendo fechado na quarta-feira (1° de janeiro). As atividades normais serão retomadas na quinta-feira (2).
Vale lembrar que, apesar dos horários especiais para o atendimento a candidatos à doação, o setor de distribuição de hemocomponentes para as unidades de saúde permanece funcionando sem interrupções, 24 horas por dia, atendendo as solicitações das unidades de saúde.
Após os eventos festivos de final de ano, o Hemocentro seguirá funcionando de segunda a sexta, das 7h às 17h30 e aos sábados das 7h às 12h.
Para doar sangue é preciso apresentar documento de identidade com foto, ter boas condições de saúde, peso superior a 50 kg, idade entre 16 e 69 anos, estar alimentado e não ter ingerido alimentos gordurosos nas últimas três horas nem bebida alcóolica nas últimas 12h.
Menores de 18 anos devem comparecer com o responsável legal. O intervalo entre uma doação e outra é de 60 dias para homens e 90 dias para mulheres.
MaisPB

Em cinco anos, 86 casos foram tipificados como feminicídio na Paraíba

Levantamento realizado pelo Tribunal de Justiça da Paraíba apontou que, no período de 2015 a 2019, 86 processos relativos a assassinatos de mulheres foram tipificados como feminicídio no Estado.
Deste total, 39 casos foram a julgamento, resultando em 33 condenações, seis extinções e uma absolvição. Desde 2015, o feminicídio é qualificado como crime hediondo no Brasil, o que ocorreu após a alteração do artigo 121 do Código Penal pela Lei nº 13.104/2015. Configura-se como feminicídio o assassinato praticado contra mulheres em razão da condição de ser do sexo feminino.
De acordo com os dados do TJPB, em 2015, quatro ações foram consideradas feminicídio, sendo que nenhuma foi a Júri; em 2016, o total de processos assim tipificados aumentou para 14, com seis julgamentos, sendo três condenações e três extinções; no ano seguinte, foram contabilizados 17 feminicídios, com quatro condenações; em 2018, dos 13 feitos tipificados, houve cinco condenações e uma absolvição; e, neste ano, foram 21 julgamentos e duas extinções.
Além disso, desde 2017, estão pendentes 25 inquéritos e 56 ações penais em 38 unidades judiciárias no âmbito do TJPB, segundo registro da Diretoria de Gestão Estratégica do Tribunal de Justiça. Diante dos números alarmantes relacionados à violência doméstica e familiar contra a mulher, mais um instrumento para disseminar informação e qualificar dados para combater tal violência, mais especificamente o feminicídio, foi criado na Paraíba: o Observatório do Feminicídio da Paraíba – Professora Bríggida Rosely de Azevêdo Lourenço. O nome homenageia a vítima, que foi assassinada pelo ex-companheiro dentro de casa, em João Pessoa. O caso ocorreu em 2012.
A ferramenta começou a funcionar no dia 11 deste mês e tem como fomentadores o Tribunal de Justiça da Paraíba, a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), a Secretaria de Estado da Mulher e da Diversidade Humana (Semdh), a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Seds), o Governo do Estado, o Ministério Público da Paraíba (MPPB) e a Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Paraíba (OAB/PB).
De acordo com a coordenadora da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar do TJPB, juíza Graziela Queiroga, o Observatório é um espaço que poderá ser utilizado por toda a sociedade, desde os órgãos que integram a rede de apoio à mulher em situação de violência, até estudantes, acadêmicos e profissionais interessados na temática.
“Precisamos difundir desde a mais tenra idade esse trabalho. O feminicídio é uma questão que precisa de mais espaço para debate, informação e sensibilização, especialmente por ser o ápice da violência contra a mulher, já que ela tende a ir se agravando com o tempo”, afirmou a magistrada, enfatizando que a ferramenta também foi criada para desnaturalizar determinados comportamentos machistas, reproduzidos por homens e mulheres. O Portal do Observatório do Feminicídio da Paraíba está hospedado na plataforma da UEPB.
MaisPB

Acusado de traição, Julian reage a filho de Bolsonaro

O deputado federal Julian Lemos (PSL-PB) e o vereador do Rio de Janeiro, Carlos Bolsonaro (PSL-RJ), protagonizaram, neste domingo (29), mais um ‘confronto’ através das redes sociais.
Usando sua conta no Youtube, o filho do presidente Jair Bolsonaro (Aliança Pelo Brasil) postou um vídeo de uma fala do parlamentar paraibano com o seguinte titulo: ‘Julian Lemos: Seria um deputado da Paraíba atacando seu povo, acusando e ameaçando quem o elegeu?’
No áudio, dá para entender que em uma parte de sua fala, Julian mira em outro filho de Bolsonaro, o senador Flávio Bolsonaro, que tem sido investigado por suspeita de corrupção em seu gabinete quando era deputado estadual pelo Rio de Janeiro.
Veja vídeo
Recorrendo ao Instagram, Julian não poupou dados contra o parlamentar Carioca.
“Você pode bancar o fodão para muita gente, pra mim não, esse ano o lugar do debate vai ser no microfone da Câmara dos Deputados, o remédio de um doido é outro na porta”, diz trecho do texto escrito pelo deputado federal.
Veja

MaisPB

domingo, 29 de dezembro de 2019

Cartaxo espera que 2020 seja um ano de mais solidariedade

https://s3.amazonaws.com/pbagora/20190827171014/


O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV) espera que 2020 seja um ano de mais solidariedade e amor ao próximo. Passado os festejos natalinos, o gestor destacou, durante entrevista nesta sexta-feira (27), a necessidade de no próximo ano não apenas as pessoas comuns, mas também os políticos, se tratarem como irmãos.
“A gente precisa entrar em um ano novo com mais solidariedade, então acho que esse é um momento de muita reflexão para que a gente entre em 2020 com espírito de agregação, de solidariedade, de ajudar o próximo e isso é muito importante. Eu sei que a atividade política é de muito conflito, mas a gente precisa pensar no próximo como um irmão e fazer com que a cidade de João Pessoa possa continuar sendo abençoada como ela tem sido”, ressaltou.

PB Agora

Acidente na PB 238, no Sertão paraibano, deixa motociclista morto

https://s3.amazonaws.com/pbagora/20191229093205/



Um acidente registrado na PB 238, na estrada que liga as cidades de Teixeira e Desterro, no Sertão paraibano, deixou um motociclista morto, na madrugada deste domingo (29).
A vítima foi identificada como Emanuel dos Santos Oliveira, de 31 anos. Ele teria perdido o controle da direção quando tentava passar por um trecho que está em obras para recuperação de ponte sobre a rodovia. Ele colidiu com armações em concreto e ficou agonizando no local.
Outro motociclista que trafegava na rodovia avistou a vítima caída no chão e foi até a cidade de Teixeira em busca de socorro. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado.
As equipes do Samu ainda encontraram a vítima com vida, mas o estado de saúde piorou e o motociclista teve uma parada cardíaca. O corpo foi removido para o Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol), em Patos.

PB AGORA

João Pessoa registrou quase 4 mil denúncias de poluição ambiental em 2019

https://s3.amazonaws.com/pbagora/20191228213322/


A Secretaria de Meio Ambiente (Semam) da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) recebeu, até a segunda quinzena de dezembro, 3.737 denúncias de poluição ambiental. Das denúncias recebidas, poluição sonora é a que tem o maior número, com 2.029 registros.
Em seguida, estão as denúncias classificadas como outras poluições (desmatamento, ausência de licença ambiental, despejo de resíduos da construção civil em local inadequado), com 1.151 registros; em terceiro lugar estão as denúncias de poluição atmosférica, com 255 casos, em quarto lugar está o lançamento de esgoto clandestino, com 214 denúncias, e em quinto, a água servida (despejo de água de cozinha e lavanderias a céu aberto ), com 88 denúncias.
Nos dias de expediente normal, quando não há festas ou eventos, a emissão sonora é permitida considerando a área, de acordo com o Código Municipal de Meio Ambiente, por meio do Decreto nº 4.793, de 21 de abril de 2003. Em bairros com casas e hospitais, essa área é considerada zona diversificada. Para zona residencial é permitida a emissão de 45 a 55 decibéis, já a zona diversificada, de 50 a 65 decibéis e em zona industrial, de 60 a 70 decibéis. Os fiscais da Semam trabalham com o decibelímetro, equipamento que afere o som.
As equipes de Fiscalização da Semam são formadas por profissionais como geógrafos, biólogos e engenheiros ambientais.  Segundo o secretário de Meio Ambiente, Abelardo Jurema Neto, “todas as ações são extremamente rigorosas. Temos plena consciência da nossa responsabilidade com o patrimônio ambiental da cidade e por isso atuamos todos os dias, cobrindo a maior área possível da cidade”, comentou.
Duas equipes da Fiscalização atuam diariamente cobrindo a cidade, sendo de domingo à quinta-feira, das 8h à meia-noite, nas sextas e sábados, das 8h às 2h. As denúncias podem ser feitas pelos telefones 3218 9208 e 0800 281 9208. Quando a Semam não pode atender as denúncias de poluição sonora podem ser encaminhadas ainda para a Polícia Militar, já que se trata de perturbação do sossego público, conforme o art. 42 da Lei de Contravenções Penais.

PB AGORA

Full-Width Version

false
Hey, we've just launched a new custom color Blogger template. You'll like it - https://t.co/quGl87I2PZ
Join Our Newsletter