segunda-feira, 5 de novembro de 2018

Meteorologista fez experiências e constata que o banco de uma moto sob o sol pode chegar a 84ºC

O Verão ainda nem chegou, mas a temperatura já começa a aumentar, mesmo ao ar livre. Agora, imagine dentro de um veículo fechado sob o Sol. O meteorologista Mário de Miranda Leitão, coordenador do Laboratório de Meteorologia (Labmet) da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), realizou uma série de experiências que mostram a temperatura em determinadas situações e os riscos que isso representa, podendo, inclusive, levar à morte. Só para ter uma ideia, o banco de uma motocicleta sob o sol pode chegar a 84ºC.
“No caso de bancos de motos, carros e o asfalto sendo novo, na cor preta, a situação é extremamente semelhante em qualquer local. O aquecimento no ar em Campina Grande é menor do que em Patos, mas no asfalto vai ser quase a mesma coisa”, destacou o especialista, cuja dissertação de mestrado, realizada em 1998, tratou da experiência.
Além do impacto do calor, que traz desconforto, as altas temperaturas podem trazer consequências para a saúde. “Encontrei com o dono de uma motocicleta que estava cobrindo o banco. Ele me disse que está com inflamação na próstata e que foi causada pelo calor. No caso de uma mulher, deve ser mais crítico colocar seus órgãos numa temperatura alta. Não queima porque está com roupa”, observou.
Dentro de ônibus lotados, nas vans escolares, nos trens, ele analisou que o corpo tem temperatura na ordem 36,5ºC a 37ºC. Porém, quando há muitas pessoas, o ar vai se aquecendo.


PBAGORA


BORGES NETO SE LIGA PARAÍBA

Nenhum comentário:
Write comentários
Hey, we've just launched a new custom color Blogger template. You'll like it - https://t.co/quGl87I2PZ
Join Our Newsletter